Contactos da Igreja Católica em Portugal  
 
ANUÁRIO CATÓLICO  
Dioceses
Listagens
Notas Históricas
Nunciatura Apostólica
Bispos
Cúrias Diocesanas
-
Chancelaria/secretaria geral
-
Gestão de recursos pessoais, patrimoniais e financeiros
Conselhos Presbiterais
Colégio de Consultores
Cabido
Conselho Pastoral
Colégio de Arciprestes
Secretariado / serviço / departamento
Comissões
Tribunais Eclesiásticos
Seminários
Diaconado Permanente (formação)
Formação de Agente de Pastoral
Vigararias/Arciprestados
Paróquias
Oragos
Centros de Vida Cristã
Presbíteros
Diáconos Permanentes
Associações e Obras para Presbíteros
Prelaturas Pessoais
Institutos Religiosos Femininos
Institutos Religiosos Masculinos
Institutos Seculares
Associações, Movimentos e Obras
Centros de animação espiritual
Obras de Acção Sócio-caritativa
Escolas Católicas
Instituições Culturais
Comunicações Sociais
Estatísticas
Aniversários do dia
Natalícios e Ordenação
   
Indiquem-nos, por email secretaria.cep@ecclesia.pt, as incorrecções encontradas.



ASSOCIAÇÕES MOVIMENTOS E OBRAS
Nome Comunhão e Libertação
Perfil "Comunhão e Libertação" (CL) é um movimento que propõe uma educação integral no caminho da fé, a partir da consciência do cristianismo como acontecimento histórico e da Igreja como lugar do encontro com Cristo. Foi fundado por Monsenhor Luigi Giussani (nascido em 1922 e falecido a 22 de fevereiro de 2005), a partir da sua experiência como professor de religião numa escola pública. Começa em 1954 em Milão (Itália), com a designação de "Gioventù Studentesca" (GS), tomando em 1969 o nome atual de "Comunhão e Libertação". O fundador foi autor de dezenas de livros traduzidos em todo o mundo, sobre os quais foram formados milhares de pessoas. Existem traduções portuguesas de várias obras.
Uma catequese denominada "Escola de Comunidade" que é uma relação educativa, uma amizade guiada entre adultos é, por isso, o instrumento de formação permanente, onde se desenvolve um trabalho que tem em conta todas as exigências da razão humana e onde se faz a redescoberta da natureza comunitária da vida em Igreja. Deste modo de olhar e viver, nasce uma variedade de formas de intervenção, que se estende a todos os campos: cultural, político, social - e que envolve pessoas de todas as idades e condições, adolescentes, universitários, trabalhadores. O outro grande instrumento de formação para uma fé adulta é a Caritativa onde se aprende a condividir as necessidades dos mais desfavorecidos para através delas condividir o Destino.
A Santa Sé reconheceu a "Fraternidade de Comunhão e Libertação" (1982), associação eclesial de direito pontifício, e a associação laical "Memores Domini" (1988) à qual aderem homens e mulheres que vivem uma forma de entrega total a Cristo na vida profissional e social; a ambas preside depois da morte de Mons. Giussani, o Padre Julian Carrón, sacerdote da diocese de Madrid. Em 1985 Don Massimo Camisasca funda a Fraternidade Sacerdotal dos Missionários de São Carlos Borromeu, que foi reconhecida como sociedade de vida apostólica de direito pontifício por João Paulo II em 19 de março de 1999. Os seus membros vivem em comunidade, e propõe-se contribuir para a missão da Igreja segundo o carisma do movimento Comunhão e Libertação. O movimento está presente em 90 nações dos cinco continentes.
Implantação "Comunhão e Libertação" está reconhecida e presente no Patriarcado de Lisboa, com Assistente nomeado pela Autoridade Diocesana e tem comunidades nas dioceses de Aveiro, Braga, Bragança-Miranda, Porto e Setúbal.
Publicações
Equipa Nacional Responsável: P. Luís Miguel Hernández FSCB;
Assistente Eclesiástico: P. João Seabra.

Morada (Sede) Rua Mouzinho da Silveira, 27, 5º D
Código Postal 1250-166
Localidade LISBOA
Telefone(s) 213590583, 917226517
Fax
email cl@taprobana.pt
Página Web https://por.clonline.org/
Observações